Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Conheça 5 vantagens da fibra óptica

A transmissão de dados por fibra óptica não é novidade, mas vem se tornando mais presente no dia a dia dos usuários.

O meio utilizado para envio e recebimento de informações é a luz, que garante uma velocidade muito alta, quando comparada aos métodos tradicionais utilizados em redes de Internet.

A descoberta da fibra óptica rendeu ao Sir Charles Kuen Kao, inclusive, o prêmio Nobel de Física no ano de 2009, por suas contribuições nessa que seria considerada uma das tecnologias fundamentais para a evolução da Internet.

Mas quais seriam as vantagens da fibra óptica, quando comparada aos cabos de cobre convencionais? Reunimos, neste post, cinco dos principais argumentos a favor desse meio de transmissão de dados. Confira!

1. Velocidade

Um dos fatores que mais chama a atenção quando se fala em fibra óptica é o quão rápida essa conexão pode ficar. Por se utilizar de pulsos de luz viajando por um meio praticamente livre de impurezas, é possível alcançar velocidades muito elevadas.

Esse método se diferencia do modelo convencional que utiliza cabos de cobre, no qual a informação é transmitida por meio de uma corrente elétrica tradicional, em que é mais dificultoso controlar o sinal em altas velocidades.

A evolução da Internet por fibra óptica levou a uma adaptação dos roteadores, que hoje suportam velocidades de até 1.000 Mbps — a chamada Gigabit Ethernet. No Brasil, já é possível encontrar provedoras de Internet por fibra óptica que oferecem planos de até 500 mega.

É importante ressaltar que estamos analisando velocidades médias de planos de Internet, e não as velocidades máximas de transmissão de dados, em uma rede offline, por exemplo.

Nesse caso, há testes com fibra óptica que alcançaram a taxa recorde de 10 Tbps — 10 terabits por segundo, ou 10 milhões de megabits/s (Mbps).

Roteador de Internet com cabos conectados.

Roteador compatível com a Internet Gigabit (10/100/1000).

2. Qualidade do sinal

Outra vantagem da Internet por fibra óptica é a qualidade do sinal. Essa característica é alcançada devido à natureza dos componentes dos cabos utilizados — filamentos de vidro flexível, ao invés do metal nos cabos de cobre.

Por não serem feitos de metal, e não transmitirem os dados pela passagem de corrente elétrica, os cabos de fibra óptica acabam se tornando imunes a interferências eletromagnéticas, o que aumenta a qualidade e alcance do sinal.

Outro fator positivo é o isolamento dos cabos, que são revestidos por materiais de baixa refração, o que também diminui as perdas de sinal.

Banner para o e-book sobre fibra óptica

3. Alcance (distância percorrida)

Os cabos de fibra óptica podem ser categorizados em, basicamente, dois tipos mais comuns, para fins de transmissão de Internet:

  • Fibra Monomodo (SM — Single Mode): quando os cabos possuem um único filamento de vidro e transmitem apenas um sinal por vez, porém com maior alcance, chegando até, teoricamente, 80 km de distância entre dois transmissores;
  • Fibra Multimodo (MM — Multi Mode): vários filamentos em um único cabo, permitindo sinais múltiplos, mas com menor distância percorrida — em torno de 300 metros.

Em contrapartida, o alcance médio de uma rede de cabos de cobre é de 100 metros. Os dados foram obtidos do site TecMundo.

4. Durabilidade

Em uma rede de cabos feitos de cobre, o meio principal por onde passa a eletricidade é um metal comum, que pode sofrer desgastes, como corrosão, além do risco de se degradar pela própria corrente elétrica, caso esta não seja devidamente controlada.

Um cabeamento de fibra óptica, por outro lado, é constituído basicamente de vidros e materiais plásticos, sendo, portanto, mais resistente a esses perigos. Outro ponto positivo é o próprio meio de transmissão por pulsos de luz, que não exercem tanto esforço sobre a fibra, aumentando sua durabilidade.

5. Tamanho e infraestrutura

Dentre as vantagens da fibra óptica para Internet, esse tópico talvez seja o mais decisivo quando falamos sobre o futuro de tecnologias como essa.

Para além das vantagens na própria transmissão de dados via fibra óptica, os custos de implantação ainda são um desafio em larga escala — pois a construção de um cabo desses é mais complexa —, mesmo considerando que os processos de fabricação sempre evoluem no sentido de se tornarem mais baratos.

Um forte argumento a favor dos cabeamentos tradicionais, feitos de cobre, é que a maioria dos imóveis provavelmente já possui uma rede instalada, graças aos outros serviços que também se utilizam desse meio de transmissão — telefonia e TV a cabo, por exemplo.

Poste de energia com cabos de transmissão.

A distribuição das redes de telefonia e TV já oferecem a infraestrutura necessária para a Internet convencional.

Assim, já existe uma infraestrutura na maioria das cidades, preparada para a Internet transmitida por cabos convencionais de cobre.

Porém, quando falamos em grandes quantidades de dados, que são cada vez mais necessárias em um mundo que vive conectado, 24 horas por dia, a infraestrutura da fibra óptica se torna uma opção mais interessante.

Isso porque essa tecnologia é, por natureza, muito mais compacta, quando comparada a um cabo de cobre. Dessa forma, com menor espaço utilizado, conseguimos mais capacidade de transmissão.

Outra vantagem da fibra óptica é que a transmissão por pulsos de luz exige menos energia para se sustentar por longas distâncias, o que também pode resultar em menores custos de infraestrutura.

Torres de transmissão de energia elétrica.

Os custos de instalação das redes de Internet são fatores importantes no investimento de empresas e governos.

Internet fibra óptica: como adquirir?

Mesmo após todo esse debate, é fato que a tecnologia está ganhando espaço e vem se tornando mais presente na vida das pessoas.

A Ligue, por exemplo, é uma provedora que atende cidades no estado do Paraná, com planos domésticos e para empresas, oferecendo Internet via fibra óptica de alta qualidade, com planos que vão até 500 mega. Clique no banner para conhecer mais!

Planos residenciais e empresariais da Ligue.

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *